Líder do governo destaca que Acreprevidência não deixará de pagar pensionistas e aposentados



O líder do governo no parlamento estadual, deputado Daniel Zen (PT), comentou sobre a possível falta de dinheiro no Acreprevidência. O assunto foi abordado pela deputada Eliane Sinhasique (PMDB) na sessão do dia anterior.


O diretor-presidente do Instituto de Previdência do Acre (Acreprevidência), José de Anchieta Batista, durante entrevista a um canal de TV local, declarou que o dinheiro que o órgão tem atualmente em caixa, não sobraria para 2017.


O assunto preocupou parlamentares, uma vez que pensionistas e aposentados teriam seus pagamentos prejudicados. “O que pergunto é como vamos fazer para pagar pensionistas e aposentados em 2017, se o dinheiro só dá para 2016?”, questionou Sinhasique.


Quanto ao assunto, o deputado da base aliada ressaltou que os beneficiários não serão prejudicados. “O que vejo aqui são colegas de parlamento tentando gerar um terrorismo desnecessário. As previdências de todos os estados estão deficitárias devido esse momento de crise, ninguém nunca negou que o Acre tivesse passado pela mesma situação”.


Zen afirma que o Estado já está tomando as medidas cabíveis para evitar futuros problemas. “O que deve ser feito é buscar novas fontes de recursos para esse fundo, pois esses recursos do trabalhador e da cota patronal tem se mostrado ineficientes”, disse o deputado ao frisar ainda a análise de alguns pontos acerca da questão.


“E preciso que leve em consideração que a média de vida da população aumentou, portanto, hoje, esse valor é insuficiente para atender a demanda. Por isso que são realizadas aplicações e investimentos no mercado financeiro. É uma forma de tentar aumentar esses valores”, finalizou.



Líder do governo no parlamento estadual, Deputado Daniel Zen (PT)/foto: ALEAC


Por Marcela Jansen/A Gazeta, 25 de fevereiro de 2016.